sexta-feira, 2 de maio de 2008

AVISO IMPORTANTE A TODAS AS SÉRIES (6º AO 9º ANOS)

OLÁ GALERA, TUDO BEM? ESPERO QUE SIM.

NÃO SE ESQUEÇAM DAS INSCRIÇÕES PARA O SOLETRANGLO QUE SERÃO

REALIZADAS NESTA SEGUNDA-FEIRA DIA 05/05/2008 NO PERÍODO DA MANHÃ.

NÃO SE ESQUEÇAM TAMBÉM DA TAXA DE MATRÍCULA:

6º E 9º ANOS: 1 LITRO DE LEITE DE CAIXINHA

7º E 8º ANOS: I PACOTE DE BOLACHA COM TRÊS PRODUTOS DENTRO.

ESPERO CONTAR COM A PARTICIPAÇÃO EM MASSA DE TODOS, POIS ESTE PROJETO SÓ ACONTECERÁ SE HOUVER A PARTICIPAÇÃO DE VOCÊS ALUNOS.

BOM FINAL DE SEMANA.

PROFESSOR ANDERSON.

6 comentários:

João Toledo disse...

Seguem as questões de interpretação do texto, conforme combinado, para serem respondidas até 03/05/2008 às 20h


1. Observe os verbos utilizados no diário e responda:


a) Em qual tempo (presente, pretérito ou futuro) encontram-se a maior parte deles?
R=A maior parte está no pretérito.

b) Por que foram empregados principalmente nesse tempo?
R=Porque ele tinha comido e vomitado e tudo isso ele estava contando o que aconteceu com ele nesses dias.

2. O assunto das anotações do dia 21 de março é o descontentamento de Pedro diante de um almoço familiar. Identifique o assunto principal de cada uma das demais anotações.
R=Tio Antônio=Fazia churrasco queimado pois ficava falando só de política e esquecia da carne na churrasqueira.Tia Augusta=Fica dando serviços toda hora para o Pedro fazer.Os cachorros=Pedro gosta dos cachorros mas não gosta que eles ficam lambendo sua orelha.


3. Em relação ao problema de saúde de Pedro, quais foram as atitudes tomadas:

a) pelo tio Antônio
R=Ele deu uma injeção no Pedro.

b) pela mãe de Pedro.
R=Deixar ele de regime,comendo torradas e bebendo chá para não ter mais enjôos.

c) pelo próprio Pedro.
R=Ele achava que um banho ia bem,tentou achar uma bala de hortelã para chupar pois estava cheio de torradas nos dentes.

d) por Maristela.
R=Tinha levado à casa de Pedro sequilhos que ela e a mãe tinham feito em casa.

O que você pensa a respeito de cada uma delas?
R=Eu penso que foram umas ótimas atitudes tomadas para ajudar o Pedro.

4. Retire do texto duas expressões coloquiais e duas gírias. Depois, procure explicar por que a autora teria utilizado esse tipo de linguagem.
R=Gírias=Bleca e Uai.Expressões coloquiais=Sem saída e Fiquei mal.

5. Leia os seguintes trechos do texto:


a. "De pijama de bolinhas, com o cabelo em pé feito galã assustado, com o dente cheio de torradas"

b. "Trouxe um sequilho que ela mesma tinha feito com a mãe"


A palavra feito aparece nos dois trechos. Ela foi empregada com o mesmo sentido em cada um deles. Explique
R=Não.Pois o primeiro (feito)está querendo dizer ele fisicamente,como ele está no momento,e o segundo (feito) está querendo dizer no verbo (fazer) de feito.

João Toledo disse...

Seguem as questões de interpretação do texto, conforme combinado, para serem respondidas até 03/05/2008 às 20h


1. Observe os verbos utilizados no diário e responda:


a) Em qual tempo (presente, pretérito ou futuro) encontram-se a maior parte deles?
R=A maior parte está no pretérito.

b) Por que foram empregados principalmente nesse tempo?
R=Porque ele tinha comido e vomitado e tudo isso ele estava contando o que aconteceu com ele nesses dias.

2. O assunto das anotações do dia 21 de março é o descontentamento de Pedro diante de um almoço familiar. Identifique o assunto principal de cada uma das demais anotações.
R=Tio Antônio=Fazia churrasco queimado pois ficava falando só de política e esquecia da carne na churrasqueira.Tia Augusta=Fica dando serviços toda hora para o Pedro fazer.Os cachorros=Pedro gosta dos cachorros mas não gosta que eles ficam lambendo sua orelha.


3. Em relação ao problema de saúde de Pedro, quais foram as atitudes tomadas:

a) pelo tio Antônio
R=Ele deu uma injeção no Pedro.

b) pela mãe de Pedro.
R=Deixar ele de regime,comendo torradas e bebendo chá para não ter mais enjôos.

c) pelo próprio Pedro.
R=Ele achava que um banho ia bem,tentou achar uma bala de hortelã para chupar pois estava cheio de torradas nos dentes.

d) por Maristela.
R=Tinha levado à casa de Pedro sequilhos que ela e a mãe tinham feito em casa.

O que você pensa a respeito de cada uma delas?
R=Eu penso que foram umas ótimas atitudes tomadas para ajudar o Pedro.

4. Retire do texto duas expressões coloquiais e duas gírias. Depois, procure explicar por que a autora teria utilizado esse tipo de linguagem.
R=Gírias=Bleca e Uai.Expressões coloquiais=Sem saída e Fiquei mal.

5. Leia os seguintes trechos do texto:


a. "De pijama de bolinhas, com o cabelo em pé feito galã assustado, com o dente cheio de torradas"

b. "Trouxe um sequilho que ela mesma tinha feito com a mãe"


A palavra feito aparece nos dois trechos. Ela foi empregada com o mesmo sentido em cada um deles. Explique
R=Não.Pois o primeiro (feito)está querendo dizer ele fisicamente,como ele está no momento,e o segundo (feito) está querendo dizer no verbo (fazer) de feito.

Anônimo disse...

1. No ínicio eles eram amigos, e depois devido ao rato ser desleal com o gato viraram inimigos.

2. a) O rato foi desleal com o gato, pois ele aproveitou o sono do gato.

b) A atitude do gato foi um pouco preguiçosa, pois ele só pensou em dormir em vez de chegar a terra firme. Em minha opinião ele devia ter perdoado o rato pois ele que teve a idéia de fazer a jangada para chegar ao outro lado.

c) O rato devia ter resolvido com uma conversa, pois a atitude de fugir é covarde.

3. Essas palavras são chamadas de onomatopéias. CATIMBUM-> O barulho do gato e do rato caindo na água.

4. Ter conversado, quem sabe assim poderiam se entender.

5. Sim, Tom e Jerry.

6. A semelhança é que o gato e o rato são inimigos, porém eram amigos. Marina

Edjania disse...

Aí galera!

Foi lançado o desafio, SOLETRANGLO, não façam feio, mostrem que vocês são FERAS, soltem a língua, agora é a hora!
Beijocas!
Edjania

Edjania disse...

Parabéns! Professor Anderson, você está mostrando que realmente é FERA.
Abraços!
Edjania

Luan disse...

LUAN DE MARCO FELIX

SÁBADO, 10 DE MAIO DE 2008
Postado por Luan de Marco Felix às 12:16

QUARTA-FEIRA, 7 DE MAIO DE 2008
7º ano (6ªsérie) - Texto: A carta.
Queridos amigos, seguem as questões referentes ao texto desta semana.

Prazo para postagem: Domingo - 11-05-2008 às 14h30m

1. O texto inicia-se com um conflito, em torno do qual se desenvolve toda a história.

a) Que acontecimento desencadeia (abre) o conflito da narrativa?
R: A briga do casal de namorados Marta e Haroldo.

b) Qual é o conflito da narrativa?
R: Ela escreve uma carta para Haroldo para terminar o namoro e dizer umas verdades que ele precisa saber. Mas Marta se arrepende e faz plantão de frente ao edifício de Haroldo para recuperar a carta enviada.

2. As ações das personagens são concentradas em tempo e espaço limitados.

a) Determine o tempo de duração a partir do dia em que Marta fez plantão em frente ao edifício de Haroldo e o desfecho da narrativa.
R: Passaram–se 8 dias.

b) Qual a expressão usada que se repete, possibilitando a marcação desse tempo? Que efeito essa repetição produz às ações da narrativa?
R: “No dia seguinte”, “No outro dia”, “Na manhã seguinte”
Efeito do tempo passando.

c) O espaço tem como função principal situar as ações das personagens. Em que lugar se concentra a ação dessas personagens?
R: Na portaria do Edifício onde mora Haroldo.

3. No terceiro dia, o carteiro desconfia do comportamento de Marta.

a) Qual é a reação dela diante da desconfiança do carteiro?
R: Fez uma encenação dramática, disse ser a autora da carta e que precisa a qualquer custo, recuperá-la de volta.

b) Como o carteiro se comporta diante da reação da personagem?
R: O carteiro disse a ela que ela estaria cometendo um crime federal, mas mesmo assim verificou se tinha correspondência para o 702.

5. No quarto dia, Marta "ficou sabendo que o carteiro se chamava Jessé [...]"

a) Como, provavelmente, Marta obteve as informações sobre Jessé?
R: Provavelmente conversando com ele.

b) O que fica subentendido sobre o sentimento entre as personagens nesse momento?
R: Subentendesse que eles criam mais que uma amizade, provavelmente um futuro namoro.

6. Passados alguns dias, Jessé convida Marta para ir a sua casa. Identifique o item que poderia substituir as reticências do seguinte frase: "se ela não se importasse...". Depois complete-a.
• eu vou gostar muito de recebê-la.
• em visitar uma casa simples e humilde, ele ficaria feliz.
• ele não a convidaria mais.
R: "Se ela não se importasse em visitar uma casa simples e humilde, ele ficaria feliz.
7. No final, o leitor é surpreendido pela decisão de Marta de mandar Jessé entregar a carta, após ficar "olhando o envelope por um longo minuto".

a) Por que, em sua opinião, ela toma essa decisão?
R: Porque ela conheceu Jessé e começa a se interessar por ele.

b) Por que esse desfecho surpreende Jessé?
R: Ele imagina que ela iria ficar com a carta, ou rasgá-la.

Bom trabalho a todos.

Postado por Professor Anderson J. de Paula às 13:32